Sem conseguir acessar aplicativos da Caixa, beneficiários de programas sociais formaram filas em agências de Porto Alegre

Esta segunda-feira (17) foi de transtornos para centenas de beneficiários de programas sociais em Porto Alegre. Ao enfrentarem dificuldades na utilização de aplicativos da Caixa, muitos deles formaram longas e demoradas filas em frente a agências do banco em diferentes bairros, nos turnos da manhã e tarde. Alguns inclusive relataram não ter sido essa a primeira vez em que isso acontece.

Com ou sem filas, é preciso estar atento a uma mudança a partir desta terça-feira (18): as agências da Caixa em todo o País passam a funcionar das 8h às 13h para o atendimento a serviços essenciais. Até então, o banco atendia esse tipo de demanda entre 8h e 14h – ou seja, o novo sistema tem uma hora a menos para tal finalidade.

De acordo com o comando da estatal, entretanto, não será preciso madrugar em filas do lado de fora das unidades. Isso porque todas as pessoas que chegarem nas agências durante o horário de funcionamento serão devidamente atendidas.

Saques

Os recursos do saque emergencial do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) e do auxílio federal de emergência também podem ser movimentados por meio do aplicativo “Caixa Tem”, disponível para download nas plataformas virtuais. A ferramenta permite, ainda, a atualização de dados do cadastro.

Esta terça-feira marca também o início dos saques em espécie do auxílio emergencial para os beneficiários do Bolsa Família com número de final “1”. Já no saque emergencial do FGTS podem fazer a retirada os trabalhadores nascidos nos meses de janeiro e fevereiro. Já os pagamentos do auxílio emergencial e do saque do FGTS seguem os calendários já divulgados.

(Marcello Campos)