Polícia Civil aperta o cerco contra quadrilha especializada no roubo de cargas em caminhões no Rio Grande do Sul

A Delegacia de Repressão ao Roubo e Furto de Cargas do Departamento Estadual de Investigações Criminais da Polícia Civil intensificou a ofensiva para desarticular uma quadrilha especializada no roubo de caminhões com mercadorias nas rodovias.

Os ataques acontecem sobretudo na ERS-240 e na BR-386. Na quarta-feira (15), a equipe do delegado Alexandre Luiz Fleck deflagrou uma operação, com amparo judicial, em Novo Hamburgo, São Leopoldo e Portão. Não houve prisões, mas ocorreu a apreensão de farto material dos bandidos e obtenção de novas pistas dos ladrões.

A base do grupo criminoso foi localizada às margens da ERS-240, em Portão. Neste local, os criminosos se escondiam após os ataques e armazenavam os produtos roubados.

Houve a apreensão de um carregador de pistola para 30 munições, cinco bloqueadores de sinal conhecidos como jammers, ferramentas, três coturnos táticos, roupas, um colete balístico, miguelitos para furar pneus, um giroflash, coldre de revólver, dois comunicadores portáteis, dois detectores de metais do tipo “raquete”, uma carabina de pressão, uma luneta, seis balanças de precisão e três placas de veículos com imã da Polícia Civil e duas da Receita Federal.

Já em Novo Hamburgo, os agentes recolheram radiocomunicadores usados no monitoramento de movimentação policial. As investigações contam com apoio do Comando Rodoviário da Brigada Militar e do setor de inteligência da BM na região do Vale do Caí.