Parques e praças de Porto Alegre já podem receber novamente o público a partir desta terça-feira

Publicado em edição-extra do Diário Oficial de Porto Alegre, o decreto municipal nº 20.720 permite já a partir desta terça-feira (8) o acesso do público e a venda de alimentos e bebidas nas praças e nos parques Harmonia, Moacyr Scliar (Orla do Guaíba), Germânia, Chico Mendes e Gabriel Knijnik. A autorização, entretanto, não vale para sábados, domingos e feriados.

A medida entraria em vigor nesta segunda-feira, mas acabou adiada devido ao feriado nacional de 7 de Setembro. De qualquer forma, os habitantes da capital gaúcha deverão esperar mais alguns dias para usufruir da liberação, já que a meteorologia prevê chuvas na cidade pelo menos até o sábado.

Também está liberado pela prefeitura o uso das áreas destinadas a alimentação em estabelecimentos do ramo de hotelaria, desde que observadas as mesmas regras válidas para bares e restaurantes.

Isso inclui higienização, distanciamento mínimo entre as pessoas (1,5 metro) e respeito ao limite de ocupação máxima das mesas. Para outras áreas comuns nesse tipo de ambiente, permanece a proibição de uso.

Transporte público

A partir desta quarta-feira (9), será ampliada a oferta de ônibus das linhas T1, T7, T11, T12 e T12-A. Segundo a EPTC (Empresa Pública de Transporte e Circulação), a medida é motivada pelo aumento da demanda de passageiros do transporte público, após meses de retração causada pela pandemia de coronavírus. Os itinerários podem ser conferidos em tempo real por meio do aplicativo TRI.

– T1: acréscimo de uma viagem no sentido Sul-Norte no horário das 5h15min;

– T7 (Nilo/Praia de Belas): ampliação de duas viagens o dia todo entre 6h14min e 8h04min. O intervalo médio entre viagens diminuirá de 14 para 11 minutos;

– T11 (3ª Perimetral): aumento de dez viagens ao longo do dia. No pico da manhã será realizada mais uma viagem no sentido Norte-Sul, ao passo que o Sul-Norte ganhará mais três viagens, com diminuição de 13 para 10 minutos no intervalo entre cada trajeto. Já no pico da tarde, estão previstas três viagens adicionais entre 16h e 19h30min, com diminuição do intervalo de 16 para 13 minutos;

– T12 (Restinga/Cairu): mais sete viagens ao longo do dia. Haverá mais uma viagem às 9h no sentido Norte-Sul e outra adicional viagem entre as 7h12min e 8h40min no sentido inverso, com redução do intervalo de 25 para 20 minutos. À tarde, mais quatro viagens no sentido Norte-Sul, entre 15h45min e 18h15min, com intervalo reduzido de 25 para 16 minutos. O sentido Sul-Norte, por sua vez, ganhará uma viagem adicional entre 17h05min e 8h05min.

– T12-A (Restinga/PUCRS): – acréscimo de uma viagem no sentido Sul-Leste, às 18h55min, com saída na Restinga.

Além disso, desde o domingo outras cinco linhas – 652, 665, 631, 620 e 520 – já estão encorpadas por viagens adicionais ao longo do dia. São elas:

– Linha 652 (Hospital): adição de seis novas viagens ao dia, passando de 30 para 36. O intervalo médio entre viagens diminuirá de 55 para 40 minutos.

– Linha 665 (Planalto Sabará): readequação de horários da tabela conforme demanda. Isso reduzirá o intervalo médio entre viagens de 51 para 45 minutos. Ampliação de dois horários por dia a cada sentido.

– Linha 631 (Parque dos Maias): mais viagens com carros articulados, o que ampliará em mais 15 pessoas o limite de passageiros conforme o número de assentos.

– Linha 620 (Iguatemi/Vila Jardim): atendimento restabelecido no entrepico (das 10h25min às 16h30min). Incremento de quatro viagens por dia, duas em cada sentido.

– Linha 520 (Triângulo/24 de Outubro): ampliação de cinco viagens a mais por dia, passando de 58 para 63. O intervalo médio entre viagens passará de 9 para 7 minutos no pico da manhã e de 18 para 15 minutos no pico da tarde.

(Marcello Campos)