O Inter vence o Atlético-GO e avança para as quartas de final da Copa do Brasil

Após vencer o primeiro jogo contra o Atlético-GO por 2 a 1 em Goiânia, o Inter garantiu, na noite desta terça-feira (3), a classificação para as quartas de final da Copa do Brasil. Após um primeiro tempo apagado, foi na segunda etapa que o Colorado alcançou a vitória contra o Atlético Goianiense. Galhardo entrou e marcou, depois foi a vez de Rodinei marcar seu primeiro gol com a camisa vermelha. O Atlético ainda conseguiu descontar no final da partida, com Júnior Brandão, mas sem prejudicar a equipe gaúcha. Final de jogo e, assim como no primeiro duelo, o Inter saiu de campo com a vitória por 2 a 1 (4 a 2 no agregado).

O jogo

Precisando da vitória para seguir sonhando com a vaga, o Atlético foi para cima do Internacional e tomou as rédeas do jogo nos primeiros minutos. No entanto, a melhor chance rubro-negra saiu em arremate de fora da área de Nicolas, aos 12. Do outro lado, o Colorado só foi acertar o alvo na marca dos 35, em cabeçada sem perigo de Leandro Fernández. Nos minutos finais do primeiro tempo, o time da casa até tentou se impor e chegou a assustar com Nonato, que parou em grande defesa do goleiro do Dragão.

O jogo voltou para o segundo tempo e Thiago Galhardo entrou em campo. Pelos pés do artilheiro, o Inter abriu a contagem, aos nove minutos. Nonato experimentou de fora da área, Jean deu rebote e o camisa 17 não perdoou: 1 a 0. Júnior Brandão, aos 19, até tentou responder para o Atlético. Mas, com boa vantagem no placar agregado, os gaúchos passaram a controlar o ritmo da partida. E, aos 31, Edenílson achou Rodinei, que limpou a marcação e bateu colocado para fazer 2 a 0.

Tentando um último suspiro, o Dragão foi para o tudo ou nada. Aos 36, Júnior Brandão teve mais uma chance e dessa vez viu Zé Gabriel salvar o Colorado em cima da linha. O atacante rubro-negro seguiu insistindo e, três minutos depois, arriscou o chute cruzado para balançar as redes e fechar a conta no Beira-Rio.

O adversário e os mandos de campo na fase seguinte serão decididos em sorteio promovido pela CBF na sexta-feira (6). O primeiro jogo será realizado já na próxima semana. O próximo compromisso do Inter é diante do Coritiba, no domingo (8), às 16h, pela abertura do returno do Brasileirão.

Ficha técnica

Internacional (2): Marcelo Lomba; Rodinei, Zé Gabriel, Victor Cuesta e Moisés; Musto, Nonato, Johnny (Edenilson) e Patrick (D’Alessandro); Yuri Alberto (Abel Hernández) e Leandro Fernández (Thiago Galhardo)(Praxedes). Técnico: Eduardo Coudet.

Atlético-GO (1): Jean; Luan, João Victor, Gilvan e Nicolas; Willian Maranhão, Marlon Freitas, Janderson, Matheus Vargas (Wellington Rato); e Chico (Matheuzinho); Hyuri (Júnior Brandão). Técnico: Eduardo Souza.

Gols: Thiago Galhardo (I), aos 9min do segundo tempo, Rodinei (I), aos 31min do segundo tempo, Júnior Brandão (A), aos 39min do segundo tempo.

Arbitragem: Felipe Fernandes de Lima, auxiliado por Felipe Alan Costa de Oliveira e Celso Luiz da Silva. VAR: Igor Junio Benevenuto de Oliveira.