Bahia ultrapassa o Rio e é o 2ª estado com mais casos de Covid-19 no país; MG assume 3º lugar

O Ministério da Saúde atualizou os dados acumulados de casos e mortes do novo coronavírus no Brasil. Ao todo, são 4.147.794 diagnósticos positivos e 126.960 óbitos em todo o país. São Paulo, que lidera as estatísticas desde o início da pandemia, contabiliza 857.330 infectados, e 31.377 vidas perdidas. O estado registrou quatro semanas consecutivas com queda nas mortes e internações provocadas pela Covid-19. O número de novos óbitos caiu 22%, de 252 para 196 na média diária.

O Rio de Janeiro, que ocupava a segunda colocação, agora está na quarta, com 233.052 doentes e 16.593 vítimas. Nesta segunda-feira, o Hospital de Campanha do Parque dos Atletas, na zona oeste da capital carioca, deu alta aos dois últimos pacientes, e será desativado. A unidade foi montada exclusivamente para atender pacientes da covid-19, em 11 de maio. A queda se deve ao aumento no número de casos confirmados na Bahia e em Minas Gerais. Cada estado tem, respectivamente, 271.963 e 236.012 infectados; 5.693 e 5.851 mortes.

Nas últimas 24 horas, foi registrado um aumento de 310 mortes, e 10.273 casos confirmados. Até esta segunda-feira, 3.355.564 – número que representa 80,9% dos doentes, já foram recuperados. Nos finais de semana, os números tendem a diminuir, por conta da dificuldade no reporte de casos para as equipes das secretarias de Saúde. Na terça-feira, as estatísticas aumentam, pelo envio dos dados acumulados no fim de semana.

Feriadão

Durante o fim de semana do feriado de 7 de Setembro, a prefeitura de São Paulo interditou 31 bares e restaurantes por descumprimento das regras de isolamento social. Nas praias do litoral do estado, o sábado e o domingo foram de areias lotadas, banhistas desrespeitando as orientações de distanciamento e o uso obrigatório de máscaras – em Santos, mais de 40 pessoas foram multadas por estarem sem o equipamento de segurança.